sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Eu e a Polícia - Parte III e IV

Faz tempo que nao ocorre nenhum fato inusitado entre eu e a policia! Para quem estava com saudades da Parte I e Parte II, lancarei duas partes de uma vez!

Parte III:
Estavamos andando na estacao de Hibiya, eu e minha irma, muito empolgada e saltitante contando sobre o dorama(novela japa) que estou assistindo todos os dias, eu gesticulava e falava alta contando a historia, com o rabo de zoio eu vi dois policiais vindo em direcao contraria, passaram por nos.
Eu de repente parei:
- Ai perai deixa eu amarrar meu tenis.
Agachei e minha irma esperando...
Levantei, OPAAAAAAAAAAA-STOP! Os dois policiais voltaram com tudo, plantandos na nossa frente, um com cara bem serio e o outro gordinho estava todo sorridente-borboleta.
- De que pais voces sao?
*Lizi, jah estava borrando as calcolas ahuahauha
- Do Brasil
- Cade os documentos.
- Lizi pega seu passaporte.
Eu mostrei meu R.G.-Gaijin Toroku para o policial e minha irma o passaporte para o gordinho, eis que surje a frase, ele olhando para a foto do passaporte da minha todo feliz:
- Kawaiiiiiiiiiiiiiiiiii neeeeeeeeehhhhhhhhh (Que bonitinhaaaaaaaa nehhhhhhhh)
affff, sinistro, eu tive que disfarcar com um sorriso amarelo....
e o outro virava e virava novamente meu documento nao sei que tanto olhava.
Entregaram o documento, agradeceram e foram embora.
Aauhauhaua, agora dou risada, mas na hora nossa eh um perrengue, a cara da minha irma e e a minha cara vermelha foi impagavel!

Parte IV:
Hora do almoco, fui comprar o meu querido bentou-marmOta, comprei, recebi o troco e coloquei a carteira no bolso. Na volta atravessamos o farol correndo pois jah estava piscando para pedestre, acelerei o passo, e subi o predio. Cheguei na sala, como habitualmente faco, coloquei meu almoco na mesa, e tirei carteira do bolso.
UEEEEEEEEEEE Cade a carteira? SUUUUUUUUUMIUUUU MIUUU MIUUU!
Mexe daqui, procura de lah! E nada, a carteira desapareceu! Sai correndo e percorri todo o caminho, para ver se estava caida no chao, voltei na padaria e nada!!!
Ai comecou a bater o despesero, jah estava imaginando eu na prefeitura no dia seguinte tirando todos os documentos e cancelando os cartoes do banco! A Ce(companheira de apuros, jah foi comigo no hospital, no massagista, na prefeitura, na imobiliaria etc. etc.) estava comigo:
- Eh nao achamos vamos ali no koban(posto policial) fazer uma ocorrencia.
Eu estava sem reacao, ainda matutando em que momento que perdi a carteira, se fosse no Brasil a primeira coisa que acharia, eh que fui assaltada! Mas aqui... onde serah que perdi a bendita!
Jah que nao encontramos, entramos no posto, eis que olho o policial e em slow motion, olho para baixo ele estah contando as minhas notas, e a minha carteira aberta!!!
UFAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!
Ele: Um homem achou a carteira no cruzamento e deixou aqui.
Pensei que era soh pegar de volta e cair fora, mas que nada, tive que mostrar meu R.G. sorte que estava em outro bolso, ele viu que eu era a dona, depois preenchi uma papelada, como se estivesse fazendo a ocorrencia do caso, a papelada era em ingles para estrangeiros, achei o maximo, eles pensam em tudo!
Enquanto isso ele continuava a tirar tuuuuuuuuuuuuudo o que tinha na minha carteira, ateh os santinhos, minhas notas da sorte, affff virava e desvirava tuuudo, achou ateh moeda que eu nem sabia que tinha!
Depois que preenchi a papelada, ele pega o telefone e solta um aviso para as unidades policiais:
- O caso da carteira jah foi resolvido, apareceu a dona!
Depois ele confere com o seu supervisor, e liga daqui e liga de lah, sabe como eh, "Procedimentos JAAAAAAAAAAAAAPONESES"! E para o meu alivio estava tudo certinho ateh o dinheiro 14.000 ienes - mais de 200 reais, meus cartoes, meus point card, meus santinhos etc.
Para encerrar, ele finalizou:
- Tome mais cuidado da proxima vez!
SIM SENHOR!

6 comentários:

Hidemi disse...

adorei o blog!
eu tb tenho um monte dessas aventuras e mikos em terras niponikas... principalmente dos meus primeiros anos de japao...
no caso de policiais, entao...
eu perdi a chave da minha bike no mercado, e comprei uma serrinha do 100 yen pra cortar o cadeado. E eis que os japas chamaram a policia pra mim
era recem chegada, e nao conseguia me virar bem no meu "nihongues"... enqto eu tentava me explicar, varias pessoas passavam olhando, e minha irma, em vez de me ajudar, fikou de longe tirando fotos com o ketai, e mandando pra todos os amigos... um horror
mas vc pode encontrar essas e outras historinhas no meu blog
ahhh sim, vou te linkar tb ok?
bjos

emezeto disse...

Ja perdi e esqueci a carteira em lojas umas 3 vezes. Duas vezes eu tive que passar pelo que vc passou. Uma vez, ela nao apareceu.
No Jpo, voce tem que gratificar quem encontra a carteira em 20 % do valor em dinheiro que esta na carteira. Muito menos do que o valor, o que mais vale a pena e dar pela honestidade das pessoas, na e?
Muito bom seu blog. Parabens

Luria disse...

heheh Hidemi estou rindo tanto da sua historia hahahaha, e pensar que jah pensei apuros mas o seu realmente ahahahaha mais engracado e desesperador ahahahaha
beijos!

Luria disse...

Ola Emezeto, obrigado pelo comentario! Sabe que eu perguntei para o policial, e ele disse que a pessoa nao quis deixar nome nem nada, uma pena gostaria mesmo de agradecer! Nao sabia dessa historia de gratificacao. Vamos ver se fico mais atenta! hehehe
beijos!

Gesiane disse...

Kawaii desu ne... hehehe adorei, e eu que pensava que os japinhas eram mais quietinhos hehehe...

Bjus

Lizi disse...

Nossa que medo na hora que eles nos pararam...rs
Mas, td culpa da minha irma que se empolgou com a novela!!! huahuahauhua...
Bjos